Como alimentar bem o seu dogue alemão?

O dogue alemão é considerado uma raça incrível, pelo seu porte, sua elegância e principalmente pela sua altura, pois é conhecido como o maior cachorro do mundo, e também sendo chamado “grande dinamarquês”.

Uma das principais características do dogue alemão ou grande dinamarquês é o seu temperamento, pois apesar de seu tamanho, é considerado um cachorro calmo, amigo e principalmente companheiro.

Sendo bem cuidado, o dogue alemão se tornará um cão ágil, forte e calmo desempenhando um papel importantíssimo na sociedade que é o de cão de guarda. Neste artigo iremos mostrar dicas de como alimentar bem do seu dogue alemão.

 

Como cuidar bem do seu dogue alemão?

Nesse passo a passo mostraremos 6 dicas essenciais para você alimentar bem do seu dogue alemão. Confira:

 

Passo 01: Dê o alimento correto para o seu grande dinamarquês

Como o seu dogue alemão ou grande dinamarquês é considerado o maior cachorro do mundo, você precisa alimentá-lo corretamente, para que ele recebe a quantidade ideal de nutrientes e assim possa crescer de maneira saudável.

  • Como a quantidade de ração é medida de acordo com o peso do cachorro, recomendamos que você leve o seu dogue alemão a um veterinário de sua confiança, pois é esse profissional que vai lhe indicar corretamente a quantidade de ração que o seu animal de estimação precisa.

 

Passo 02: Compre sempre ração de qualidade

Sempre compre ração de qualidade, caso contrário, o seu dogue alemão pode correr o risco de ter uma doença chamada dilatação gástrica onde ocorre o inchaço estomacal, por isso, antes de comprar a ração leia atentamente a embalagem do produto. Fique atento, pois a concentração de proteína não pode ser superior a 25%. Confira as recomendações:

  • O recomendado é que os ingredientes principais sejam carnes e vegetais.
  • Se houver algum subproduto de carne entre os ingredientes, não há problemas desde que não esteja entre os cinco principais.

 

Passo 03 – Dê ao seu dogue alemão pequenas refeições

Evite oferecer grandes quantidades de rações de uma vez, pois essa prática pode ocasionar problemas de saúde em seu animal de estimação, como inchaço. Geralmente existe uma recomendação escrita nas embalagens das rações com a quantidade exata das porções a serem dadas diariamente.

Recomendamos que divida essa quantidade em três ou quatro refeições diárias, desta forma você está alimentando corretamente o seu dogue alemão. Confira outra dica:

  • Para que o seu dogue alemão não tenha problemas intestinais, evite mudar a sua alimentação bruscamente.

 

Passo 04 – Evite alimentos prejudiciais à saúde do seu dogue alemão

Existem certos alimentos que são prejudiciais à saúde de seu animal de estimação. Caso esses alimentos sejam ingeridos, seu dogue alemão poderá ter sérios problemas de saúde ou até mesmo morrer. Entre eles estão:

  • Abacate;
  • Álcool;
  • Cebola, alho e cebolinha;
  • Chocolate;
  • Massas;
  • Nozes;
  • Ossos de galinha;
  • Pedaços de carnes;
  • Uvas ou passas;
  • Substância presente em alimentos sem açúcar.

 

Passo 05 – Dê petiscos ao seu dogue alemão 

Existem alguns alimentos que nós seres humanos ingerimos e que seu dogue alemão poderá degustar como petiscos. Administrados em pequenas quantidades, os petiços não oferecem riscos à saúde do seu animal de estimação. Confiram alguns deles:

  • Mirtilo ou ervilha congelados;
  • Cenoura baby
  • Punhados de batata doce cozida.

 

Passo 06 – Dê água ao seu grande dinamarquês

Por ser um animal de grande porte, seu dogue alemão necessita ter sempre uma vasilha grande de água disponível e sempre cheia à sua disposição. Isso lhe manterá hidratado trazendo-lhe muita saúde.

  • Não é recomendado que o seu dogue alemão beba muita água após as refeições, pois essa prática pode deixar o estomago do seu animal de estimação inchado, oferecendo risco a sua saúde.

Seu imponente dogue alemão merece ter uma alimentação saudável e balanceada oferecendo-lhe refeições de qualidade, através de rações que ofereçam os nutrientes necessários para satisfazer o seu metabolismo. Alem disso, não se esqueça que o seu amigo de estimação precisa de amor, carinho e atenção para crescer com saúde.

 

Seguindo esses passos para higiene bucal do cachorro você pode ter certeza que seu filho de quatro patas estará saudável e seguro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *